Market Access Portugal

Onde começa e onde acaba?

O seu investimento na leitura deste post é de 4 minutos Aqui vos deixo um novo post da Enfermeira Ana Maria Sousa. A propósito de um determinado perfil de enfermeiras competentes, que os doentes reconhecem e lhes/nos dizem: Srª Enfermeira, faz isto tão bem! se tivesse estudado mais um bocadinho até podia ser doutora!

Lê-se em 10 minutos   A semana passada encontrei o “Manel”. Depois dos habituais cumprimentos à 2 ”gajos” do Norte, onde em 5 palavras saem outras tantas menos próprias, seguiram-se as habituais perguntas de como vai a família e a vida profissional; pusemos em dia as “fofoquices” e relembramos histórias antigas que não se podem …

Continue a ler

Dia 19 de Janeiro de 2016. Claro, pai babado! As minhas filhas, Joana e Sofia, maiores de idade relembram-me a alegria de serem crianças e o fantástico que é  ser Pai, na verdade de duas enormes mulheres. Mas tu Luís, rapaz mais novo, decidiste e bem chamar filho ao MAP (www.marketaccessportugal.com) e isso deve ser …

Continue a ler

O seu investimento na leitura deste post é de 7 minutos   Não, não sou eu que o digo, apenas ouvi dizer que “Os médicos caíram nas mãos da indústria farmacêutica e isso deve-se em parte ao marketing desenvolvido pelas empresas, a alguma falta de honestidade e ao facto de os médicos aspirarem ter uma …

Continue a ler

O seu investimento na leitura deste post é de 4 minutos   Há poucos dias recebi no meu email esta missiva. “Chamo-me Ana Maria Sousa, sou enfermeira e gostava de escrever no seu blog, Market Access Portugal. Talvez o maior desafio seja responder à pergunta ‘como que será o enfermeiro do futuro?’” É preciso coragem e para escrever …

Continue a ler

Lê-se em 6 minutos   Há poucos dias inscrevi-me no site de uma companhia de aviação low-cost. Após ter inserido os meus dados pessoais, sou convidado a responder a uma série de perguntas que me surpreendeu; 18 questões divididas em 5 categorias: “Planear uma viagem”, “Próximo”, “No aeroporto”, “Durante o voo” e “Feriado”. Eis alguns …

Continue a ler